Make your own free website on Tripod.com

obesidade
Home obesidade Heart stress Food cabelos conselhos

celulite
colesterol

Dá-se o nome de obesidade a uma acumulação de gordura em excesso no corpo, e considera-se que uma pessoa é obesa quando atinge ou ultrapassa um peso 20% acima do máximo desejável para a sua altura.

      Estima-se que 30 a 35% da população portuguesa possui gordura corporal excessiva e que cerca de 5% dos     portugueses são obesos. Além de poder provocar problemas psicológicos graves, a obesidade é um risco para outras doenças mais perigosas , incluindo a diabetes e a arteriosclerose  cardiovascular, e tem também uma associação significativa com cancros da mama, útero, ovários, cólon, próstata, e vesícula biliar.

     O excesso de peso funciona como uma sobrecarga permanente para os ossos e articulações (sobretudo a

  nível  da coluna vertebral e membros inferiores), sendo uma causa  frequente  de lombalgias e discopatias e factor de agravamento de osteoartrose e outras doenças reumáticas.

Para além disso, agrava problemas respiratórios, e nas mulheres pode causar irregularidade menstrual e problemas de esterilidade.

Quanto maior é o peso, maior é o risco, um estudo  de longo prazo de vários milhares de homens revelou que cada 0,5 Kg acima do peso ideal aumentava a taxa de mortalidade em 1% em pessoas  de idades compreendidas entre 30 e 49 anos e 2% em idades compreendidas entre 50 e 62 anos.   

    Até há pouco tempo , pensava-se que ter excesso de peso era uma simples questão de consumir  mais calorias do que o organismo utilizava durante as actividades.

        Hoje em dia sabe-se que a obesidade tem causas hereditárias, sedentárias, alimentares e psicológicas

        entre outras causas.Photo: A few theories on America's weighty issue      

 

                                                                      

                                                                      topo